O que é Tesouro Selic? Saiba como funciona essa aplicação

Postou em

Se você costuma pesquisar sobre investimentos já deve ter visto que o Tesouro Direto aparece como uma das principais opções para iniciantes. O Tesouro Selic é uma das alternativas que traz muitas vantagens. No post de hoje, vamos falar sobre o que é Tesouro Selic e quais seus benefícios.

Além do Selic, que tem natureza de curto prazo, o Tesouro Direto oferece outros títulos para investimento com rendimento a médio e longo prazo. São eles:

     Tesouro IPCA;

     Tesouro IPCA com juros semestrais;

     Tesouro Prefixado;

     Tesouro Prefixado com juros semestrais.

Leia mais: O que é Tesouro Direto e como funciona? Saiba mais!

Para entender se o Tesouro Selic é a melhor alternativa para você, vamos saber como essa aplicação funciona e o que ela pode oferecer.

O que é o Tesouro Selic?

Anteriormente denominado como Letra Financeira do Tesouro (LFT), o Tesouro Selic é um título pós-fixado emitido pelo Tesouro Nacional com rentabilidade alinhada à variação da taxa Selic, a taxa básica de juros da economia, que tem oscilação diária.

Trata-se de um dos investimentos mais conservadores e seguros do Brasil, por isso é muito indicado para investidores iniciantes. Funciona como um título de dívida emitido pelo governo federal; nesse caso, você está emprestando dinheiro à administração pública com a garantia de retorno com juros.

Dessa forma, seu rendimento pode chegar a 100% do Certificado de Depósito Interbancário (CDI) e será medido pela Selic entre a data de liquidação da compra e o dia do vencimento do título, com o acréscimo de ágio ou deságio na hora da compra, se houver essa necessidade.

Vale a pena investir no Tesouro Selic? É seguro?

Há muitas vantagens em investir nesse tipo de aplicação. Veja, a seguir:

Liquidez diária

No Tesouro Direto você tem flexibilidade no saque, ou seja, é possível resgatar seu dinheiro quando você quiser ou precisar, em até 24 horas, sem perder rendimentos

Segurança

O risco do Tesouro Selic é baixíssimo, pois você só perde dinheiro se o governo quebrar - algo que, dificilmente, vai acontecer. Por isso, o investimento oferece muita segurança, independentemente do valor que será investido.

Lucratividade

Quanto mais segura for uma aplicação, menos rendimento ela terá - você já ouviu essa expressão? Ainda assim, a Selic consegue oferecer lucros e ser bem mais rentável que a poupança, por exemplo, com um ganho que pode ser até 7 vezes maior. Além disso, é o único título que não apresenta rentabilidade negativa.

Reserva de emergência

Quem deseja ter mais controle sobre o planejamento financeiro encontra um ótimo aliado no Tesouro Selic, pois ele pode servir como uma boa reserva de emergência e um jeito de economizar sem sacrifícios. E, quando precisar sacar, já sabe: não há burocracias!

Taxas acessíveis

A Taxa Selic tem taxas, como qualquer outro título público, mas os valores são baixos quando se faz a comparação com a rentabilidade oferecida. São duas taxas: a incidência de IOF (Impostos sobre Operações Financeiras) e o Imposto de Renda.

O IOF só é cobrado se você resgatar o dinheiro logo no primeiro mês de investimento. De qualquer maneira a cobrança será regressiva, ou seja, o valor diminui de acordo com os dias em que o dinheiro permaneceu aplicado. O IR também tem alíquota regressiva - quanto mais tempo seu dinheiro ficar aplicado, menor será a taxa.

Facilidade no processo

É fácil e prático investir nesse título, o que o torna mais acessível a quem não está acostumado com esse modelo de serviço. O processo é simples: aplique e resgate quando quiser.

Se você quer a garantia de poder resgatar seu dinheiro integralmente, a qualquer momento, de forma segura e fácil, considere investir no Tesouro Selic! Ainda tem dúvidas se essa é a melhor alternativa para você? A Credjet te ajuda a decidir!

h2Como saber se o Tesouro Selic funciona para mim?h2

Para saber, de uma vez por todas, se o Tesouro Selic é uma boa opção para você, analise alguns fatores, como:

● Seus objetivos com a aplicação (uma compra específica? Uma reserva de emergência? Um plano para o futuro?);

● O valor mínimo para a aplicação (e o quanto você deseja investir);

● As taxas cobradas no processo (não se esqueça de contar com elas além do valor investido);

● O período de aplicação (é um investimento a médio ou longo prazo?);

● A rentabilidade (quanto seu dinheiro pode render no período estimado?);

● A liquidez da aplicação (em quanto tempo você poderá resgatar o dinheiro?);

● Os riscos envolvidos na aplicação.

Essas são considerações essenciais que devem ser feitas para qualquer tipo de investimento. Tenha bem claro qual o seu objetivo ao realizar uma aplicação. O Tesouro Selic é uma excelente ideia para quem deseja criar um fundo de emergência e ficar tranquilo sabendo que as finanças estão controladas.

Para simular a rentabilidade do Tesouro Selic e de outros títulos, acesse o site do Tesouro Nacional e utilize a calculadora. Com alguns dados você consegue se planejar melhor antes de realizar sua aplicação.

 

Esse conteúdo foi útil para você? Continue acompanhando o blog da Credjet para se manter informado sobre o mundo financeiro!

Últimos Artigos sobre Finanças e Empréstimo Online

Posts relacionados

prev_butt

Postou em

Como já comentamos em alguns textos aqui no blog da Credjet, a pandemia do Covid-19 atingiu diferentes campos da nossa sociedade moderna. Negócios, comércio e economia estão sofrendo com essa crise que não nos apresenta um cenário promissor, mas e o planejamento de gastospessoais, como ele fica nesse momento?

leia mais >>

Postou em

Está com o “nome sujo”? Conheça as dicas para renegociar dívidas

A falta de um bom planejamento financeiro é um dos principais motivos para o alto índice de dívidas no Brasil. Pouco mais de 60 milhões de brasileiros têm contas atrasadas, segundo dados do Serasa Experian. Apesar de poucos saberem como realmente se livrar desse peso, renegociar dívidas não é tão difícil quanto parece.

leia mais >>

mulher executiva sorrindo com notebook na mesa

Postou em

Se você é um empreendedor com certeza entende a importância de manter um capital de giro. No entanto, também deve saber que nem sempre isso é possível. Veja, a seguir, como funciona um empréstimo empresarial.

leia mais >>

next_butt