O que é Tesouro Selic? Saiba como funciona essa aplicação

Postou em

Se você costuma pesquisar sobre investimentos já deve ter visto que o Tesouro Direto aparece como uma das principais opções para iniciantes. O Tesouro Selic é uma das alternativas que traz muitas vantagens. No post de hoje, vamos falar sobre o que é Tesouro Selic e quais seus benefícios.

Além do Selic, que tem natureza de curto prazo, o Tesouro Direto oferece outros títulos para investimento com rendimento a médio e longo prazo. São eles:

     Tesouro IPCA;

     Tesouro IPCA com juros semestrais;

     Tesouro Prefixado;

     Tesouro Prefixado com juros semestrais.

Leia mais: O que é Tesouro Direto e como funciona? Saiba mais!

Para entender se o Tesouro Selic é a melhor alternativa para você, vamos saber como essa aplicação funciona e o que ela pode oferecer.

O que é o Tesouro Selic?

Anteriormente denominado como Letra Financeira do Tesouro (LFT), o Tesouro Selic é um título pós-fixado emitido pelo Tesouro Nacional com rentabilidade alinhada à variação da taxa Selic, a taxa básica de juros da economia, que tem oscilação diária.

Trata-se de um dos investimentos mais conservadores e seguros do Brasil, por isso é muito indicado para investidores iniciantes. Funciona como um título de dívida emitido pelo governo federal; nesse caso, você está emprestando dinheiro à administração pública com a garantia de retorno com juros.

Dessa forma, seu rendimento pode chegar a 100% do Certificado de Depósito Interbancário (CDI) e será medido pela Selic entre a data de liquidação da compra e o dia do vencimento do título, com o acréscimo de ágio ou deságio na hora da compra, se houver essa necessidade.

Vale a pena investir no Tesouro Selic? É seguro?

Há muitas vantagens em investir nesse tipo de aplicação. Veja, a seguir:

Liquidez diária

No Tesouro Direto você tem flexibilidade no saque, ou seja, é possível resgatar seu dinheiro quando você quiser ou precisar, em até 24 horas, sem perder rendimentos

Segurança

O risco do Tesouro Selic é baixíssimo, pois você só perde dinheiro se o governo quebrar - algo que, dificilmente, vai acontecer. Por isso, o investimento oferece muita segurança, independentemente do valor que será investido.

Lucratividade

Quanto mais segura for uma aplicação, menos rendimento ela terá - você já ouviu essa expressão? Ainda assim, a Selic consegue oferecer lucros e ser bem mais rentável que a poupança, por exemplo, com um ganho que pode ser até 7 vezes maior. Além disso, é o único título que não apresenta rentabilidade negativa.

Reserva de emergência

Quem deseja ter mais controle sobre o planejamento financeiro encontra um ótimo aliado no Tesouro Selic, pois ele pode servir como uma boa reserva de emergência e um jeito de economizar sem sacrifícios. E, quando precisar sacar, já sabe: não há burocracias!

Taxas acessíveis

A Taxa Selic tem taxas, como qualquer outro título público, mas os valores são baixos quando se faz a comparação com a rentabilidade oferecida. São duas taxas: a incidência de IOF (Impostos sobre Operações Financeiras) e o Imposto de Renda.

O IOF só é cobrado se você resgatar o dinheiro logo no primeiro mês de investimento. De qualquer maneira a cobrança será regressiva, ou seja, o valor diminui de acordo com os dias em que o dinheiro permaneceu aplicado. O IR também tem alíquota regressiva - quanto mais tempo seu dinheiro ficar aplicado, menor será a taxa.

Facilidade no processo

É fácil e prático investir nesse título, o que o torna mais acessível a quem não está acostumado com esse modelo de serviço. O processo é simples: aplique e resgate quando quiser.

Se você quer a garantia de poder resgatar seu dinheiro integralmente, a qualquer momento, de forma segura e fácil, considere investir no Tesouro Selic! Ainda tem dúvidas se essa é a melhor alternativa para você? A Credjet te ajuda a decidir!

h2Como saber se o Tesouro Selic funciona para mim?h2

Para saber, de uma vez por todas, se o Tesouro Selic é uma boa opção para você, analise alguns fatores, como:

● Seus objetivos com a aplicação (uma compra específica? Uma reserva de emergência? Um plano para o futuro?);

● O valor mínimo para a aplicação (e o quanto você deseja investir);

● As taxas cobradas no processo (não se esqueça de contar com elas além do valor investido);

● O período de aplicação (é um investimento a médio ou longo prazo?);

● A rentabilidade (quanto seu dinheiro pode render no período estimado?);

● A liquidez da aplicação (em quanto tempo você poderá resgatar o dinheiro?);

● Os riscos envolvidos na aplicação.

Essas são considerações essenciais que devem ser feitas para qualquer tipo de investimento. Tenha bem claro qual o seu objetivo ao realizar uma aplicação. O Tesouro Selic é uma excelente ideia para quem deseja criar um fundo de emergência e ficar tranquilo sabendo que as finanças estão controladas.

Para simular a rentabilidade do Tesouro Selic e de outros títulos, acesse o site do Tesouro Nacional e utilize a calculadora. Com alguns dados você consegue se planejar melhor antes de realizar sua aplicação.

 

Esse conteúdo foi útil para você? Continue acompanhando o blog da Credjet para se manter informado sobre o mundo financeiro!